Rato: suspeito de vários crimes troca tiros com a polícia, é baleado e capturado em Lagoa Seca

Finalmente, o “rato” foi capturado nesta sexta-feira, 29, por volta das 22h30, próximo ao Restaurante O Bananal, na BR 104 Norte - sentido Lagoa Seca/Campina Grande. A ação foi comanda pelo delegado Henry Fábio e por policiais da 12ª Delegacia Seccional.

José Orlando da Silva, 22 anos, vulgo o “rato” é considerado o terror de Lagoa Seca por ações violentas em desfavor de suas vítimas. Ele é responsável por diversos assaltos e invasões a residências no município e estava sendo procurado por quebra de albergue.  

De acordo com informações da Polícia Civil, há vários dias que ele estava sendo procurado. Ao ser encontrado nos arredores de Lagoa Seca, reagiu à abordagem, evadiu-se em fuga numa moto (supostamente roubada) e começo a atirar, sendo atingido pelos policiais na perna e preso em flagrante.

"Tal indivíduo é considerado o terror de Lagoa Seca e acusado de diversos roubos e invasões a residências na região, sempre agindo de forma extremamente violenta contra as vítimas", afirmou o delegado Henry Fábio, responsável pela 12ª Delegacia Seccional.

Após o tiroteio, o "rato" foi levado para o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, Dom Luiz Gonzaga Fernandes, onde recebeu atendimentos e liberado em seguida. Ele foi conduzido para a Central de Polícia e segue detido.

Da redação

0 comentários: