José Tadeu tem a pior avaliação da história política e administrativa de Lagoa Seca. Percentual é superior a 87% e gestor será lembrado como o pior prefeito

A reprovação à gestão do prefeito de Lagoa Seca alcançou seu maior nível desde o início do seu mandato, em 2013. Segundo pesquisa realizada por meio do Instituto Opinião e divulgada nesta segunda-feira (22), a administração de José Tadeu (PSC) é reprovada por 87,4% dos lagoasequenses. Apenas 6,6% aprovam a gestão do atual gestor do município. 

Com os números, o atual prefeito entra para os anais da história política e administrativa de Lagoa Seca como sendo o pior gestor do município. 

A piora da avaliação acontece em plena campanha eleitoral, quando José Tadeu apóia para sucedê-lo na Prefeitura Municipal de Lagoa Seca, o vereador Diego do Veleiro, da Coligação “Pelo Bem de Lagoa Seca”, que em pesquisa aparece com apenas 16,6%. Já o seu concorrente, o ex-vereador Fábio Ramalho (PSDB), da “Coligação Esperança De Um Novo Tempo” aparece com 55,7% das intenções de voto.

O resultado da pesquisa, naturalmente, é o reflexo de uma gestão marcada por uma série de deficiências, principalmente, nos serviços básicos de atendimento à população, como saúde, educação e infra-estrutura, o que faz com que a baixa popularidade do prefeito José Tadeu esteja tão alta. 

Atualmente, a cidade também sofre com a insegurança e a violência, o que faz com que a população cobre, com eficácia e urgência, a solução do problema, que mais atormenta os moradores de Lagoa Seca, especialmente, àqueles que residem na zona rural.

O Instituto Opinião ouviu 350 moradores de 23 comunidades da zona urbana e rural de Lagoa Seca, nos dias 9 e 10 de agosto deste ano. 

Da redação

0 comentários: