Eleições 2016: “Tadeu não teve sucesso porque nunca sentou na cadeira de prefeito para administrar Lagoa Seca", afirma Diego em entrevista

O vereador e pré-candidato a prefeito de Lagoa Seca pelo PMDB, Diego do Veleiro criticou a forma como o atual prefeito José Tadeu (PSB), o Tadeu do Supermercado, encarou a tarefa de administrar o município.

Em entrevista concedida na tarde desta segunda-feira, 23, no Programa Caturité nos Municípios, da Rádio Caturité AM de Campina Grande, apresentado pelo jornalista Ubiratan Cirne, o jovem político pontuou erros da atual gestão e revelou que o insucesso administrativo de Tadeu é fruto de desinteresse do próprio gestor. “Como empresário ele é um dos mais bem sucedidos de nosso município, agora como político, não teve sucesso porque na verdade nunca sentou na cadeira para administrar. O mesmo grupo que ajudou a eleger Tadeu continua unido com o mesmo projeto, só que agora tem um novo general” afirmou.

Sem querer, durante a entrevista, o apresentador do programa acabou deixando o parlamentar em uma verdadeira “saia justa” ao perguntar se Diego espera ter o apoio do prefeito na sua campanha. 

Ao responder sobre a parceria com PSB, Diego falou o nome de lideranças como Nelson Anacleto, Edvaldo Bode, até no nome de Geovaneto Vilar (presidente da legenda na cidade ele citou) no entanto, misteriosamente, não se referiu diretamente o atual prefeito como aliado de sua pré-candidatura, comprovando a estratégia de tentar vender a ideia que sua candidatura não representa a continuidade do projeto iniciado por Tadeu do Supermercado.

O vereador ainda surpreendeu, afirmando que deverá contar com o apoio de Bola Coutinho (PT do B). “Bola é uma baraúna, tenho sempre recebido os conselhos dele e tenho certeza que ele estará junto conosco” frisou.

Diego afirmou ainda que está conversando com outras lideranças, inclusive algumas que já declaram apoio ao candidato da oposição Fábio Ramalho (PSDB). “Estamos conversando com o PTN comandado pelo ex-vereador Nilton César que também deverá se juntar ao nosso grupo e o outros nomes que deverão ser anunciados em breve” completou.

Na entrevista, que durou cerca de 15 minutos, o vereador estava nos estúdios acompanhado do ex-assessor da câmara, Rasac Sabino e do também vereador Edvaldo Bode. 

No instante que falava do apoio de outras legendas, Diego deixou a entender que PDT, partido que atualmente está sendo comandando pelo presidente da câmara Ednaldo Araujo (Pessoa), deverá mesmo sofrer uma intervenção da executiva estadual. “Tenho certeza que o PDT também deverá seguir conosco” completou.

Uma referencia direta ao desejo de tomar o partido de Pessoa, que na semana passada também confirmou apoio à candidatura do bloco de oposição, que tem como pré-candidato o ex-vereador Fábio Ramalho.

Por Márcio Rangel

0 comentários: