Ministro Geral envia mensagem aos frades franciscanos último dia do Capítulo das Esteiras que acontece em Lagoa Seca

O Ministro Geral da Ordem dos Frades Menores, Frei Michael Perry, OFM, enviou, no último dia do Capítulo das Esteiras 2016 (1º de fevereiro), uma mensagem em vídeo para os frades da Província de Santo Antônio do Brasil. Diante da impossibilidade de estar presente, o Ministro Geral dirigiu sua palavra aos irmãos retomando alguns apelos do Capítulo Geral, que aconteceu em maio de 2015, em Assis, e motivando-os a “abraçarem com esperança o futuro”. O Capítulo das Esteiras 2016 teve início no último dia 28 de janeiro, no Convento Santo Antônio de Ipuarana, em Lagoa Seca Seca, Agreste da Paraíba. 

Na mensagem, lida em português com a ajuda de Frei Valmir Ramos, OFM, Definidor Geral para a América Latina, Frei Michael apresenta o estado atual da Ordem com seus decréscimos numéricos e intelectuais, suas mudanças, contrastes e perspectivas. Alertou também os frades para um crise de fé, esperança e amor que tem se instaurado em muitas fraternidades.

“Deste modo, nos privamos daquela ação  do Espírito de Deus, que poderia desafiar-nos e provocar um movimento até as periferias onde Deus quer que comecemos algo inteiramente novo”, enfatizou o Ministro Geral, apontando aspectos bem concretos da vida que necessitam de conversão.

Retomando as indicações do último Capítulo Geral, Fr. Michael convidou os irmãos a ver o mundo a partir da periferia, desenvolvendo uma nova hermenêutica para a vida franciscana no mundo de hoje. A Mensagem assinala alguns temas “que saem do coração do Papa Jesuíta argentino, com um marcado caráter de espiritualidade franciscana”, e que precisam ser retomados pelos frades: um Deus que é todo misericórdia e não julga; que cuida dos pobres e marginalizados; que derruba muros de separação; que trabalha de fora para dentro e de baixo para cima; que não busca o poder, mas prefere a humildade; que não se preocupa em sujar-se para entrar na vida das pessoas; um Deus que é hospitalidade.

Esta espiritualidade deve repercutir na Ordem e em cada um dos irmãos, renovando sua vida pessoal e de encontro com Jesus. A ordem deve procurar o caminho da minoridade e da simplicidade de vida, cultivar o diálogo em todas as áreas da vida, renovar o ardor missionário e combater todas as formas de pecado social. No que se refere a administração e economia, Frei Michael propõe o caminho da colaboração entre as entidades e, até mesmo, entre as Ordens Franciscanas (Conventuais, Capuchinos e Menores).

Ao final da Mensagem, frei Michael indicou um caminho que precisa ser retomado: “Devemos deixar que Deus seja o centro de nossas vidas, o centro de nossa Ordem, o centro de nossa vida fraterna, o centro de nossa atividade missionária e pastoral e o centro de nossos programas de formação permanente e inicial. Meu grande desejo para vocês e para cada um dos irmãos da Ordem é que sua fé em deus possa abri-los à possibilidade de que Deus chegue a ser, de verdade, o centro de suas vidas”.

Além da Mensagem do Ministro Geral, o último dia do Capítulo das Esteiras 2016 deu continuidade a partilha das Fraternidades e dos Serviços Provinciais. Entre tantos desafios e buscas, foi notável a riqueza das ações e da presença franciscana em realidades tão diversas: santuário, pastorais e movimentos sociais, paróquias, formação, comunicação, atendimento espiritual e reconciliação… Uma verdadeira colcha de retalhos colorida e viva que forma a Província Franciscana de Santo Antônio do Brasil.

Com redação

0 comentários: