TCE aprova contas do primeiro ano de gestão do prefeito José Tadeu

O Tribunal de Contas da Paraíba (TCE) aprovou, nesta quarta-feira, 25, as contas de 2013 do prefeito do município de Lagoa Seca, José Tadeu Sales de Luna. O TCE também impôs o débito de R$ 1.357.321,53 ao ex-prefeito de Barra de São Miguel, Pedro Pinto da Costa, por despesas de pessoal não documentalmente comprovadas. A decisão, decorrente de inspeção especial nas contas de 2008 do município, deu-se conforme voto do conselheiro substituto Antonio Gomes Vieira Filho, relator do processo, do qual ainda cabe recurso.

Os ex-prefeitos de São José de Piranhas (Domingos Leite da Silva Neto) e de Esperança (Nobson Pedro de Almeida) tiveram as contas de 2012 aprovadas, em grau de recurso e, assim também, o ex-prefeito de Santa Cecília (Roberto Florentino Feitosa, exercício de 2008), conforme votos do conselheiro substituto Antonio Gomes Vieira Filho.

Também foram aprovadas as contas oriundas das Câmaras Municipais de Cuitegi, Riachão, Frei Martinho, Casserengue e Barra de Santa Rosa (exercício de 2014), João Pessoa, Belém do Brejo do Cruz e Areia de Baraúnas (2013). Houve aprovação, ainda, neste caso com ressalvas, às contas de 2012 do Departamento de Estradas de Rodagem.

A sessão plenária desta quarta-feira, conduzida pelo vice-presidente André Carlo Torres Pontes, no exercício da Presidência do TCE, teve as participações dos conselheiros Nominando Diniz, Fernando Catão, Fábio Nogueira e Marcos Costa. Também, dos conselheiros substitutos Antonio Gomes Vieira Filho, Antonio Cláudio Silva Santos, Oscar Mamede e Renato Sérgio Santiago Melo. O Ministério Público de Contas esteve representado pela procuradora geral Sheyla Barreto Braga de Queiroz.

Com assessoriaTCE/PB

0 comentários: