Economia e administração na pauta do Capítulo Franciscano 2014 que acontece no Convento Ipuarana de Lagoa Seca...

O quarto dia do Capítulo Provincial 2014, nesta sexta-feira, 07, foi dedicado a discussão de temas referentes a economia e administração nas presenças onde os franciscanos exercem sua missão. Após a Santa Missa celebrada às 6h30 na Capela Conventual, os irmãos reuniram-se para tomar conhecimento destas realidades através de diversos relatórios.

Inicialmente, Frei Roberto Soares, Coordenador do Departamento Provincial do Patrimônio Histórico, apresentou como vem sendo encaminhado o projeto de conservação da documentação do Arquivo Provincial, que, após concluído, estará disponível para consulta.

O Ecônomo Provincial, Frei Robério Souza, apresentou toda a perspectiva de sustentação e autonomia das Casas da Província. Foram partilhadas ainda as realidades administrativas e econômicas do Santuário de São Francisco das Chagas de Canindé e do Convento de São Francisco de Salvador.

Frei Guilherme Ruhe, Vigário da Casa de Santo Antônio de Bardel, também falou da situação dos confrades na Alemanha, enquanto Frei Augusto Lessa explicitou como vem realizando o trabalho como Comissário da Terra Santa.

Encerrando as atividades, os frades rezaram a via-sacra, percorrendo as estações na parte exterior do Convento Ipuarana, refletindo a importância da fraternidade para ajudar o irmão nas quedas, dores e cruzes que surgem no meio da caminhada.

Com assessoria

0 comentários: