Estudantes de Agroecologia do Câmpus II de Lagoa Seca participam de dia de campo sobre manejo e conservação do solo

Alunos da graduação em Agroecologia e do curso técnico em Agropecuária do Centro de Ciências Agrárias e Ambientais (CCAA) do Câmpus II da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), em Lagoa Seca, Agreste da Paraíba, participaram na manhã desta terça-feira (30), de um dia de campo especial sobre manejo e conservação do solo, realizado pela Embrapa Algodão, em uma ação de parceria com a Empresa Estadual de Pesquisa Agropecuária da Paraíba.

De acordo com o professor José Félix, durante a realização do evento foi possível ver na prática parte do conteúdo ministrado em sala de aula, principalmente práticas de conservação de solo, considerando que o Estado da Paraíba apresenta grande área de terras degradadas, o que diminui o potencial de produção agrícola do Estado. Técnicas como curvas de nível, rotação de cultura, cultivo em faixas e plantio direto puderam ser visualizadas durante o evento.

As curvas de nível são uma das técnicas fundamentais para controlar a erosão do solo em terrenos com declividade. Nesta prática, é preciso fazer a marcação das curvas de nível, que são linhas no sentido transversal ao terreno, formadas a partir dos pontos com a mesma altitude. São essas linhas que ajudam a controlar o escoamento da água, como explicou o pesquisador da Embrapa, Dr. Zonta. Segundo ele, quando o preparo do solo e o plantio são feitos ladeira abaixo, ocorre a formação de valas por onde a água se concentra e ganha velocidade, o que favorece a erosão.

No dia de campo, os alunos que participaram das atividades tiveram a oportunidade de observar que o plantio direto consiste em realizar a semeadura sem que haja aração ou gradagem prévia do solo. Primeiro é feita a dessecação com herbicidas da cultura de cobertura ou das plantas daninhas para formação da palhada. Em seguida, é feita a semeadura. A palhada ou cobertura morta protege o solo contra o impacto direto das gotas de chuva, diminuindo o escoamento superficial.

Com assessoria

0 comentários: