47º Festival de Brasília divulga selecionados para mostras competitivas. Filme "Pingo D'Água, filmado em Lagoa Seca, está entre os selecionados...

O filme "Pingo D'Água", do cineasta paraibano Taciano Valério e produção executiva de Hipólito Lucena e Taciano Valério está entre os os filmes selecionados para as mostras competitivas de curtas e longas-metragens do 47º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro, edição deste ano, que acontece entre os dias 16 e 23 de setembro em Brasília. A divulgação aconteceu na manhã desta quinta-feira, 31 de julho. No total, a organização do evento recebeu inscrições de 612 filmes.

Confira os selecionados

Na mostra competitiva de longas-metragens, coube a uma comissão de seleção formada pelo jornalista e escritor Alexandre Cunha, a produtora e cineasta Daniela Capelato, a documentarista e professora Érika Bauer, a atriz e realizadora Helena Ignêz, e o professor e crítico Marcelo Ikeda, a tarefa de escolher os seis concorrentes ao Troféu Candango. 

Além de "Pingo D'Água", foram selecionados os filmes: "Branco Sai, Preto Fica", de Adirley Queirós; "Brasil S/A", de Marcelo Pedroso; "Ela Volta na Quinta", de André Novais Oliveira; "Pingo D'Água", de Taciano Valério; "Sem Pena", de Eugenio Puppo; e "Ventos de Agosto", de Gabriel Mascaro.

Já para a competição de curtas-metragens, formaram a comissão de seleção o produtor André Leão, a curadora e produtora Carla Osório, o cineasta Frederico Cardoso, o produtor Guilherme Whitaker e a jornalista e realizadora Indaiá Freire. Foram doze os títulos escolhidos para a programação oficial: "B-Flat", de Mariana Youssef; "Bashar", de Diogo Faggiano; "Castillo y El Armado", de Pedro Harres; "Crônicas de Uma Cidade Inventada", de Luísa Caetano; "Estátua!", de Gabriela Amaral Almeida; "Geru", de Fábio Baldo e Tïco Dias; "La Llamada", de Gustavo Vinagre; "Loja de Répteis", de Pedro Severien; "Luz", de Gabriel Medeiros; "Nua Por Dentro do Couro", de Lucas Sá; "Sem Coração", de Nara Normande e Tião; e "Vento Virado", de Leonardo Cata Preta.

Os filmes exibidos no evento concorrem ao Troféu Candango e a prêmios em dinheiro - o prêmio para o melhor longa-metragem é de R$ 250 mil. Os vencedores serão conhecidos na cerimônia de encerramento do festival, que promove, além das mostras oficiais, mostras paralelas, oficinas e debates abertos ao público.

Da redação,
com assessoria

0 comentários: