Debates e mostra de pontos de cultura marcam o início da 3ª Teia Paraíba em Campina Grande...

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Cultura (Secult), abriu, oficialmente na noite dessa quinta-feira, 10, no Colégio estadual da Prata, a 3ª Teia Cultural - Encontro Paraibano dos Pontos de Cultura. O evento segue até o sábado, 12, com debates e mostras de arte-cultura. Ao final dos trabalhos, haverá eleição dos delegados que participarão do 3º Fórum Nacional dos Pontos de Cultura, que acontecerá em Natal, de 19 a 24 de maio.

Na solenidade de abertura, houve apresentações do Trio Família Feliz, do município de Cabaceiras e da Orquestra Mirim Ypuarana, da cidade de Lagoa Seca. 

Para o gerente executivo de Promoção Cultural da Secult/PB, Milton Dornellas, a 3ª Teia Paraíba é uma ação que compõe a etapa estadual da Teia Nacional dos Pontos de Cultura. Ele ainda ressaltou o desafio de interligar a cultura com a educação, a fim de capacitar os artistas. “O compromisso com o futuro é agora. A educação e a cultura devem marchar juntas e fortalecer também a cidadania”, afirmou Dornelas.

Por sua vez, o gerente de Articulação da Secult, Pedro Santos, disse que os espaços de debate têm a finalidade de discutir a situação do Programa Cultura Viva nas esferas federal, estadual e municipais.

Ele acrescentou que o evento reúne propostas de aprimoramento, tanto para a gestão do Programa no âmbito do poder público, como na forma de organização dos Pontos de Cultura. Atualmente, a Paraíba conta com 71 Pontos de Cultura, beneficiados com editais lançados conjuntamente pelo Ministério da Cultura (Minc), Governo do Estado e as prefeituras de Campina Grande e João Pessoa.

Também participaram da solenidade de abertura Hipólito Lucena, da Rede Paraibana dos Pontos de Cultura, e o representante do Ministério da Cultura, Ricardo Batista, que proferiu palestra sobre Diversidade Cultural.

Regimento 

Os trabalhos nesta sexta-feira, no auditório do Colégio Estadual da Prata, foram retomados com a leitura do regimento interno. Em seguida, Pedro Santos coordenou o painel “Panorama do Programa Cultura Viva na Paraíba”. Posteriormente, Hipólito Lucena comandou o painel “Relatório da Rede Paraibana dos Pontos de Cultura”.

Ainda está prevista para esta sexta a realização de rodas de conversa e Grupos de Trabalho que vão debater temas transversais à atuação dos Pontos de Cultura, relacionados aos direitos culturais, cidadania, sustentabilidade, legislação e comunicação.

Também haverá a Mostra Artística, com apresentações culturais dos pontos. Entre elas o lançamento do vídeo "Tenho todos os Sonhos do Mundo", um filme-poema baseado na obra de Fernando Pessoa, realizado pelo Ponto de Cultura Cantiga de Ninar, da cidade de Itabaiana. 

Da redação,
com Ascom/PB

0 comentários: