Audiência pública discute a insegurança em Lagoa Seca...

Foi realizada na manhã desta terça-feira, 29, no plenário da Câmara de Vereadores de Lagoa Seca, uma audiência pública para discutir a problemática da insegurança no município. Na ocasião foram tratados temas de prevenção ao crime e de combate à violência.

Estiveram presentes à audiência os vereadores do município, o prefeito José Tadeu (PSC), o tenente-coronel Lívio Sérgio, comandante do 2º BPM, o promotor de justiça Dr. Osvaldo Lopes Barbosa, representantes da sociedade civil organizada, entre outros setores da comunidade.

O comandante do 2º BPM, tenente-coronel Lívio Sérgio, garantiu o aumento de viaturas para Lagoa Seca e ressaltou a sua preocupação com o município. “Além de dobrar o número de viaturas também estamos trazendo a Força Tática de Campina Grande para minimizar a criminalidade e combater à violência na cidade”, destacou.

Para o presidente da Câmara de Vereadores, Nelson Anacleto (PT), foi de extrema importância a participação dos lagoasequences na audiência. “Temos que discutir junto com a comunidade as propostas e alternativas que venham minimizar a violência no nosso município. Por isso foi importante a participação da população enriquecendo o debate”, ressaltou.

Ficou definido que no dia 03 de junho haverá uma reunião entre o Legislativo, o Executivo, a Polícia Militar e o Ministério Público para fazer uma avaliação da segurança no município. 

Conselho Municipal de Segurança Pública

A Câmara de Vereadores de Lagoa Seca aprovou na sessão ordinária realizada na noite desta terça-feira (29) o projeto de lei do Executivo nº 009/2014 que dispõe sobre a criação do Conselho Municipal de Segurança Pública (CMSEP). O projeto de lei segue agora para ser sancionado pelo prefeito José Tadeu (PSC).

Ascom/CMLS

0 comentários: