Educação: clima de alegria e união marca abertura da 2ª Jornada Pedagógica de Lagoa Seca

Com o tema "Humanização e Educação Integral", educadores, dentre eles gestores e profissionais da educação acompanharam a abertura da 2ª  Jornada Pedagógica que teve início nesta segunda-feira (3), no Auditório do Convento Ipuarana, em Lagoa Seca.

Promovida pela Secretaria Municipal de Educação, a abertura contou com a presença de quase todo o secretariado da gestão municipal. Na ocasião, o chefe de gabinete, Rasac Sabino, representando o prefeito José Tadeu Sales de Luna, que cumpriu durante todo o dia uma agenda administrativa na capital paraibana, deu as boas vindas aos participantes. Em sua fala, lembrou dos esforços da gestão municipal em proporcionar "uma educação de qualidade, valorizando os mestres e mestras que apresentam à Escola as novas gerações como um sentido de lugar, onde as crianças e jovens sintam-se bem, sintam-se acolhidos, sintam-se importantes".

A secretária de Educação, Joelma Rocha, também fez uso da palavra e apontou a humanização como um aspecto de qualidade no ensino da rede municipal de ensino. Além disso, imbuiu o processo de integralização como um norteador ao cumprimento de metas traçadas pelos gestores no que se refere à necessidade de mudança e promoção de um novo rumo do fazer educacional. 
,
Dando seguimento às falas, o secretário de Saúde, Damião Calafange, falou sobre a parceria com a Secretaria de Educação para realização do Programa Saúde na Escola que em 2013, gerou números muito positivos para o município. Calafange ainda ressaltou a importância da campanha de vacinação contra o HPV que terá início a partir do mês de março e terá como grupo inicial as adolescentes de 11 a 13 anos. 

A cerimônia de abertura terminou com a apresentação do Primeiro Painel intitulado "Humanização e Educação Integral", ministrado pela professora doutora Elisa Gonsalves. 

A pesquisadora Elisa Gonçalves é professora do Centro de Educação da Universidade Federal da Paraíba, doutora em educação pela Universidade Metodista de Piracicaba, mestre em educação, especialista em Pesquisa Educacional e Pedagoga pela Universidade Federal da Paraíba. 

É também Facilitadora Didata de Biodança e Especialista em Educação Biocêntrica pela International Biocentric Foundation. Diretora da Escola de Formação em Educação Biocêntrica e da Escola de Formação em Biodança do Extremo Oriental das Américas, ambas da International Biocentric Foundation. Atualmente, integra o Programa de Pós-Graduação em Educação do Centro de Educação da Universidade Federal da Paraíba onde coordena o Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação Biocêntrica. Dedica-se ao tema Aprendizagens Vitais o que é preciso aprender para viver bem.

Ascom/PMLS

0 comentários: